Esforço, Dedicação, Devoção e Glória. Eis o Sporting

Sporting Clube de Portugal verde branco


O equipamento Sporting em 1987/1988: a Hummel e a introdução dos patrocínios

Depois da Le Coq Sportif, a dinamarquesa Hummel tornou-se o fabricante oficial da camisola do Sporting. Sem inventar muito, os equipamentos Hummel são honestos, simples, e bonitos. Apenas as típicas marcas ao longo dos braços se diferenciam de uma camisola listada verde branca pura.

A camisola Stromp foi onde a Hummel conseguiu fugir à tradição. É algo de único, e apesar de o equipamento Stromp do Sporting feito neste ano nem ser muito feio, está demasiado fora daquilo que tem que ser o mais clássico e nobre dos equipamentos Sporting.

Essa mudança coincidiu com o aparecimento de patrocínios nas camisolas. A partir daqui, torna-se muito mais fácil atribuir sem grandes margens de erro determinado equipamento a determinada época, com a ressalva de que na pre-época, tudo é diferente, e ainda de que no Sporting acontece muito aparecerem camisolas que fogem à norma.

O primeiro patrocinador foi a FNAC (empresa de ar condicionado, sem relação com a cadeia de media francesa). Os equipamentos do Sporting deste ano distinguem-se dos do ano seguinte, em que a publicidade também foi FNAC, pelo rectângulo de pano em que as letras FNAC estão inseridas.

Tal como com a LCS, também com a Hummel se venderam camisolas do Sporting ao público em geral. A qualidade do tecido e fabrico não é a mesma, e tendo um equipamento de jogo e uma réplica na mão, é fácil distinguir. A existência de equipamentos vendidos aos adeptos é uma importante fonte de receita para o Clube, e manteve-se em todos os anos seguintes.

Uma nota interessante é que o Sporting já tinha tido publicidade nas camisolas em 1974/75, numa digressão que fez a França nessa época.

A equipa chegou a vestir equipamentos alternativos todos verdes, incluindo sem patrocínio em jogos da pré-época. Foram também usados equipamentos alternativos todos brancos.

Como nota final, foram usados diversos tipos de letra na númeração, incluindo números do tipo da Hummel e números de outro tipo.

Clique aqui para ver os equipamentos do Sporting de 1986/87

Sporting Clube de Portugal

1987/1990

Equipamento sem sponsor, que evoluiu à epoca entre FNAC e Nissan. A marca Hummel desapareceu quase totalmente com o uso, restando pequenos vestígios. O verde é semelhante ao das Le Coq Sportif

Camisola Hummel Sporting 1987 1990

 

Sporting Clube de Portugal

1987/1990

Camisola sem sponsor, que evoluiu à epoca entre FNAC e Nissan. A marca Hummel está sobre uma risca verde, o que é pouco comum.

Shirt Hummel 1987 1990 Sporting Lisbon

 

Sporting Clube de Portugal

1987/1988

Equipamento do Sporting de jogo com patrocínio FNAC, o primeiro patrocinador do Sporting

Com agradecimentos a #O_Leão_Do_Atlântico

Equipamento de jogo Sporting 1987 1989

 

Sporting Clube de Portugal

1987

Camisola de jogo, do Oceano. Este modelo, sem patrocínio, foi usado na pré-época, no Campeonato Nacional, na Taça de Honra e na Taça das Taças em 1987, até 15 de setembro inclusive.

equipamento sporting de jogo Oceano 1987 1988

 

Sporting Clube de Portugal

1987/1988

Camisola de jogo, do Oceano

Com agradecimentos ao blog maillots vintage

equipamento sporting de jogo Oceano 1987 1988

 

Sporting Clube de Portugal

1987/1988

Equipamento de jogo, do Paulinho Cascavel

equipamento sporting de jogo Paulinho Cascavel 1989 1990

 

Sporting Clube de Portugal

1987/1988

Equipamento de jogo (amigável contra a Fiorentina)

Sporting spieler trikot freundschaft spiel 1987 88

 

Sporting Clube de Portugal

1987/88. Camisola contrafeita muito bonita

Com agradecimentos aos amigos colecionadores Luís Gomes e Rui Pedro

1987/88. Camisola do Sporting contrafeita muito bonita FNAC


O equipamento Stromp que não é Stromp

Esta foi a época em que a Hummel introduziu equipamentos Stromp que não são realmente equipamentos Stromp. A metade esquerda, verde, é feita de risquinhas verticais verdes mas de tom diferente. Isto é diferente do que aconteceu por ex. em 1984/85 com a Le Coq Sportif, em que a aparente diferença de cor verde era devida apenas à disposição do tecido. O pior é a metade direita, que deveria ser branca, mas que na realidade é feita de risquinhas verticais brancas intercaladas com risquinhas verticais verdes. O efeito é bonito, mas isto não é um equipamento Stromp.

Sporting Clube de Portugal

1987/1988

Equipamento Stromp de jogo de mangas compridas, do Fernando Mendes

Com agradecimentos ao meu amigo Dr. Nuno Ruivo

Sporting camisola de jogo Stromp Fernando Mendes 1987 1988

 

Sporting Clube de Portugal

1987/1988

Equipamento Stromp de jogo de mangas curtas

Com agradecimentos ao meu amigo Dr. Nuno Ruivo

Sporting camisola Stromp de jogo de mangas curtas Hummel 1987 1988

 

Sporting Clube de Portugal

1987/1988

Equipamento Stromp de jogo de mangas curtas, jogador desconhecido, da Hummel

Equipamento Stromp de jogo de mangas curtas, jogador desconhecido, da Hummel


Equipamentos alternativos em 1987/88: verde vintage

Até 1996, os Estatutos do Sporting determinavam que o equipamento alternativo seria ou o Stromp, ou todo verde ou todo branco. A Hummel adoptou o verde clássico, fazendo camisolas muito bonitas. As camisolas de jogo tinham em geral a gola branca, em bico e sem abas.

Sporting Clube de Portugal

1987/1988

Equipamento alternativo todo verde, da Hummel. Um clássico!

camisola alternativa do Sporting toda verde, da Hummel 1987/1988. Um clássico!


Equipamentos de guarda-redes em 1987/88

Este modelo de camisola de guarda-redes da Hummel foi usado em várias épocas. No entanto, sem patrocínio, sabemos que foi usado no início de época 1987/88, em jogos particulares. Por exemplo contra o Bétis a 5 de Agosto de 1987, em que o Damas foi o guarda-redes titular e Rui Correia o suplente.

Sporting Clube de Portugal

1987/88, provavelmente de Rui Correia, possivelmente do jogo particular de pré-época contra o Bétis

Com agradecimentos a Zé Garrancho

1987/88, camisola Hummel de jogo de guarda redes do Rui Correia
© 2009-2017 Nuno Barradas 40755-0