Esforço, Dedicação, Devoção e Glória. Eis o Sporting

Sporting Clube de Portugal verde branco


Camisolas esquisitas do Sporting - parte 1

O Sporting tem muitas camisolas esquisitas. O que é que isso quer dizer? Em primeiro lugar, há vários tipos de esquisitice, e vamos aqui mostrar alguns deles. Em geral, são camisolas que se afastam do modelo normal. Podem ser camisolas de um modelo que nunca foi usado em jogo, ou camisolas que o roupeiro se enganou e fez alguma coisa fora do normal. Nalguns casos temos a certeza de que vêm de dentro do Clube, que são realmente camisolas oficiais do Sporting, por vezes não temos a certeza se serão verdadeiras ou falsificações. Há ainda camisolas que pensávamos serem esquisitas porque não conhecíamos fotos de jogos em fossem usadas, mas que depois descobrimos, confirmando a sua autenticidade.

Camisola do Figo de 1994/95, Académica-Sporting

Esta camisola foi vendida como sendo do Figo, de um jogo particular contra a Académica em Agosto de 1994, em Coimbra. Foi-nos garantido que foi obtida directamente de um dirigente do Sporting no fim do jogo. Acontece que o Almanaque do Sporting Clube de Portugal, de Rui Tovar, editado por Almanaxi Editora Lda em 2005, que tem todos os jogos do Sporting, não menciona este jogo. Por outro lado, nesta altura ainda não havia números fixos para cada jogador, mas o Figo era quase sempre o nº 7, e o nº 16 teria que ser um suplente, coisa que o Figo raramente foi. Acontece ainda que o trabalho realizado pela Wiki Sporting mostrou que o Almanaque tem muitos erros e incorrecções, e como tal não faz prova. Fomos então à sua procura - no Jornal Sporting. E encontrámos o jogo (na edição de 9 de Agosto de 1994), cuja ficha mostra que Figo entrou ao minuto 45. Confirmámos também que nesta altura, contrariamente ao que aconteceu durante a época normal, o patrocínio Castelões ainda não estava presente nas costas. Com as fotos, fica confirmado que esta realmente é a camisola que Figo usou nesse dia.

Sporting Clube de Portugal

1994/95, Vencedor da Taça e Supertaça

Equipamento usado por Figo em jogo particular contra a Académica em 6 de Agosto de 1994. O SCP ganhou 0-3 (foto do jogo).

Com agradecimentos ao consócio Carlos Sousa e ao Jornal Sporting pelas informações

match worn shirt Sporting Academica de Coimbra Figo 1994 95


Equipamento do Oceano da Taça UEFA, Montpellier-Sporting 1996

Em 1996/97, os equipamentos do Sporting eram feitos pela Adidas, com patrocínio da Telecel, que aparecia à frente, e com o logo em ambos os ombros. O nome do jogador aparecia nas costas, inclusive nos jogos da Taça UEFA. Ora neste equipamento não se vê o nome do Oceano. A camisola vem de um coleccionador do Montpellier, que garantiu que a tem desde a altura do jogo. Nos sites com muitas fotos de jogos antigos, como o Portal Sporting Memória ou o Armazém Leonino, não havia uma única foto que pudesse mostrar esta camisola ser verdadeira. Mais uma consulta aos arquivos do Jornal Sporting permitiu resolver o caso, e a foto que se mostra é desse jogo, do Jornal de 11 de Setembro de 1996. Este foi o primeiro jogo do Sporting na Taça UEFA desse ano, e só a partir do jogo seguinte é que foram introduzidos os nomes nas camisolas.

Sporting Clube de Portugal

1996/1997

Equipamento usado por Oceano contra o Montpellier 10 de Setembro de 1996 para a Taça UEFA (foto do jogo, que acabou 1-1).

Sporting 1996 1997 Oceano equipamento de jogo


Equipamento Stromp player issue 1996/1997

Comprámos esta camisola como sendo uma réplica da loja. Acontece que tem o buraco nas costas para meter o número. As camisolas que foram vendidas ao público não eram assim, não tinham este buraco. Camisolas destas eram as da equipa. Os equipamentos de jogo são entregues pelo fabricante ao Sporting sem nomes nem números, é depois o roupeiro que trata disso. Por vezes sobram camisolas que não chegam a ser usadas, mas têm todas as outras características das camisolas de jogo. São as chamadas player issue, como esta. Como curiosidade, esta camisola está assinada por Beto e por Vidigal, que eram jogadores do Sporting nesta época. No entanto, foram assinadas depois, em 2011.

Sporting Clube de Portugal

1996/1997

Camisa Stromp de mangas compridas, patrocínio Telecel. Player issue: não se vendiam camisolas com o espaço para o número nas costas. Assinada por Vidigal e por Beto

equipamento Sporting Lisboa Stromp manga comprida Adidas 1996 1997 Telecel


Camisola Stromp do Patacas de 1996/1997

Esta é uma camisola à priori impossível, uma vez que o Bruno Patacas esteve nesta época emprestado ao Lourinhanense, depois de se ter sagrado campeão nacional de juniores pelo Sporting. Para além disso, é o nº 31, quando no ano seguinte ele foi o nº 32. Isso por si só não quer dizer nada, já que é muito frequente os jogadores trocarem de número de época para época. Fomos então ao Jornal Sporting, onde confirmámos que Bruno Patacas fez a pré-época com o plantel sénior do Sporting, tendo chegado a ser apresentado aos sócios com os restantes jogadores.

Sporting Clube de Portugal

1996/1997

Equipamento do Sporting, Stromp, do Patacas

Com agradecimentos ao consócio Carlos Sousa e ao Jornal Sporting

equipamento match worn Sporting 1997 1998 Patacas


Equipamento alternativo modelo Champions 1997/98

Esta é uma daquelas épocas em que o Sporting usou dois equipamentos alternativos diferentes. Iguais em tudo, menos na cor: nuns casos verde, noutros branco. Esta é a variante em branco, que foi usada em jogos do campeonato nacional e da taça de Portugal. Não chegou a ser usado na Liga dos Campeões, e no entanto aqui está ele! Com o patrocínio telecel a ocupar uma única linha (tal como ainda hoje os patrocínio das competições europeias), e com o patch da Liga dos Campeões. Conhecemos outros equipamentos destes de outros jogadores, pertença de outros coleccionadores. Neste caso, é simples de perceber: estes equipamentos foram feitos e preparados para serem usados em caso de necessidade na Liga dos Campeões, onde fizemos oito jogos: dois da pré-eliminatória contra o Beitar de Jerusalém, e mais seis na fase de grupos com o Mónaco, o Lierse da Bélgica, e o Bayer Leverkusen. Apesar de ser um grupo acessível, ficámos por aqui. Em todos os jogos foram usadas as camisolas listadas, e estas alternativas ficaram na gaveta.

Sporting Clube de Portugal

1997/98. Camisola alternativa preparada para Néné, modelo da Liga dos Campeões

Camisola alternativa Nene modelo Liga dos Campeões

© 2009-2017 Nuno Barradas 40755-0